Notícias de Caruaru e Região

“Meio Irmão” leva três prêmios no Festival de Cinema de Caruaru

Ainda inédito nos cinemas, filme distribuído pela O2 Play ganha destaque ao vencer o prêmio de Melhor Ator (Diego Avelino), Melhor Fotografia (Cleisson Vidal) e ainda a Menção Honrosa Atriz Revelação (Natália Molina)

Cinema - Cena do Longa Metragem Meio Irmão
Cena do Longa Metragem Meio Irmão

O longa-metragem “Meio Irmão” da diretora Eliane Coster venceu dois prêmios além de receber a Menção Honrosa no 6o Festival de Cinema de Caruaru. Diego Avelino foi consagrado como Melhor Ator, Cleisson Vidal foi reconhecido pela Melhor Fotografia e Natália Molina recebeu a Menção Honrosa como Atriz Revelação.

Ainda inédito nos cinemas, com previsão de estreia em 2020, o longa-metragem acompanha a história da mãe da jovem Sandra que está desaparecida há dias. Desorientada e sem dinheiro, ela procura seu meio irmão Jorge, com quem tem pouco contato. Jorge, porém, enfrenta uma situação difícil: ele grava no celular uma agressão homofóbica a um casal de amigos acreditando não ter sido visto. Pouco depois, começa a receber ameaças anônimas para não divulgar as imagens. Nesta jornada, Sandra e Jorge enfrentam seus terrores mas constituem um precioso afeto.

Em 2018, na 42ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, “Meio Irmão” venceu o Prêmio da ABRACCINE – Melhor Filme Brasileiro de Diretor Estreante e ainda o Prêmio do Público – Prêmio Petrobras de Cinema – Melhor Filme Brasileiro de Ficção.

Produzido pela Oka Comunicações e com distribuição da O2 Play o filme marca a estreia de Eliane Coster na direção de longas-metragens.

Por Mayara Grosso
Fonte: Site Séries em Cena

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.