Notícias de Caruaru e Região

Coluna Ponto a Ponto: CLOROQUINA: NOS DOS OUTROS É REFRESCO – Por Prof. Carlos Silva

Professor Carlos Silva
Professor Carlos Silva

A MISSÃO…

Depois de pateticamente o Presidente Jair Bolsonaro, correr atrás de uma Ema com uma caixa de cloroquina, Depois que o Ministério das Relações Exteriores informou que o governo dos Estados Unidos entregou ao Brasil 2 milhões de doses de hidroxicloroquina, “como demonstração da solidariedade” entre os dois países na luta contra o coronavírus, A nota dizia ainda que “A HCQ [hidroxicloroquina] seria usada como medida profilática para ajudar a defender os profissionais de saúde do Brasil contra o vírus. Ela também será utilizada no tratamento de brasileiros infectados”.

Depois que o Governo de Bolsonaro ter pagado seis vezes mais pela matéria-prima importada da Índia para produzir cloroquina nos laboratórios das Forças Armadas do que desembolsou pela substância em maio de 2019 e de acordo com levantamento da Folha de S. Paulo, a mesma empresa, sediada em Campanha (MG), vendeu o produto para o Comando do Exército e para o Ministério da Saúde, no intervalo de um ano, com uma diferença de 500%. O preço do quilo saiu agora por R$ 1.304, quase seis vezes aquele pago pelo Ministério da Saúde em contrato assinado em maio de 2019, quando o Governo Federal desembolsou R$ 219,98 por quilo.

A MISSÃO II…

Depois que o amiguinho da onça, do Presidente Jair Bolsonaro ter contrariado e mentido ao recomendar que oficial dos órgãos de saúde de seu próprio governo, e ter afirmado no dia 18 de maio que estava tomando hidroxicloroquina, na época ele afirmou que “Muita coisa boa saiu da hidroxicloroquina. Vocês ficariam surpresos com quantas pessoas tomaram (o medicamento), especialmente profissionais da linha de frente, antes que sejam contaminados. Eu mesmo estou tomando”. disse o dito cujo, Trump, a jornalistas. Depois de todo esse festival de mentiras, o presidente dos Estados Unidos Donald Trump foi infectado pelo vírus.

Na tarde desta sexta-feira (2), a Casa Branca divulgou o estado de Saúde do presidente, que de acordo com as informações, está cansado, tossindo e com dor de cabeça. Por sua vez a Casa Branca informou, neste sábado (3), que Donald Trump está “muito bem”. Segundo o último boletim médico divulgado, o presidente norte-americano não faz uso de oxigênio suplementar. “Ele não está precisando de oxigênio suplementar, mas em consulta com especialistas, escolhemos iniciar a terapia com remdesivir”, diz o comunicado assinado pelo médico da Casa Branca, Sean Conley, ou seja, faça o que mando, não faça o que eu faço, e como vimos os super médicos da Casa Branca, não recomendaram o uso da Cloroquina no Tratamento.

BYE BYE BRAZIL

Por sua vez o Ministério Público Emitiu pedido de investigação ao TCU comunicando que a fabricação do remédio em quantidades expressivas é um desperdício de dinheiro público tendo que ser apurado. “E os responsáveis [devem ser] penalizados na forma da lei, especialmente se há suspeitas de superfaturamento na aquisição de insumos”, A produção da droga, finalizada no Laboratório Químico e Farmacêutico do Exército, teve aumentou de 84 vezes nos últimos meses em relação ao mesmo período do ano passado, segundo o respectivo MP. Mas e agora? Como fica a “cara de tacho”, de parte do povo brasileiro que acreditou na mentira exalada pelo presidente Trump e depois que Presidente Jair incomodou a Ema com o seu baile de marketing chulo e demagogismo? E agora que “Inês é morta”, quem vai pagar a conta? Vai ficar por isso mesmo? Talvez seja assim, “que vai passando a boiada”, como disse o ilustríssimo senhor, terror dos manguezais, o condenável Ministro Ricardo Salles.

————————————————————————————————-

Referências: Ictq.com – 247 – Congressoemfoco – Agência Reuters

 

Sobre o autor:

Carlos Silva é Professor, Palestrante, cientista social, com graduação em Sociologia-UFPE, com especialização em Matriz agroecológica e Biossegurança, casado, residente em Caruaru-PE, autor de o livro O Despertar de Pangeia e comentarista social, como colaborador da Rádio Cultura do Nordeste no Programa Cultura Informa.

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.