Notícias de Caruaru e Região

Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC) demite funcionários em plena véspera de Natal

demissão - demitido

O Grupo Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC) presenteia trabalhadores com demissões. Muitos deles receberam a notícioa ´por telefone e nem tiveram a chance de se despedir do público pelos microfones, como muitos queriam. O caruaruense Maciel Júnior foi um dos demitidos e disse que depois de 28 anos de serviços prestados não teve a oportunidade de se despedir nos microfones da empresa, da forma que ele queria. “Obrigado pela audiência e pelo respeito. O mundo fecha portas, Deus abre caminhos.” Disse Maciel

Nota oficial do Sindicato dos Jornalistas de Pernambuco (Sinjope)
Dezembro tem se tornado um mês de sofrimento para os trabalhadores do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC). Hoje, como registrado nos últimos anos, o sistema presenteou mais de uma dezena de seus colaboradores do Jornal do Commercio, TV Jornal e Rádio Jornal com a demissão.
Não que exista o melhor momento para comunicar um desligamento, mas, na véspera das festas de final de ano, certamente não é. Só mostra a falta de sensibilidade e respeito da empresa e dos gestores para com os jornalistas. Em anos anteriores, mais de 150 profissionais foram desligados justamente no período natalino.
E, agora, em 2021, novamente a história se repete. Alguns trabalhadores desligados tinham mais de 10, 15, 20 anos de casa. Profissionais de diversos setores foram afetados: redação, fotografia, mídias digitais, rádio, televisão.
Em um jornalismo cada vez mais digital, como compreender a extinção do departamento de fotografia, demitindo profissionais premiados e com serviços prestados a empresa?
A justificativa dos gestores é sempre a mesma: “as contas não fecham e é preciso enxugar”. Mas enquanto as empresas de comunicação tiverem o pensamento fixo que manter o jornalista é prejuízo e que a solução é cortar postos de trabalho, o modelo de negócio não vai prosperar. Jornalismo não é custo e, sim, investimento.
Não se faz o bom jornalismo sem profissionais que são referências. Não se faz bom jornalismo com redações cada vez mais enxutas e com cada vez mais acúmulos de função.
Mas a prática dos últimos anos indica que o SJCC acredita no contrário, com o seu plano de demissões frequentes e de critérios questionáveis, o que o Sindicato dos Jornalistas de Pernambuco (Sinjope) vem denunciar e repudiar em público. Afinal, este sindicato vê os trabalhadores bem mais do que contracheque, custo e balanços contábil.
2 Comentários
  1. Fernando Diz

    É muito triste que profissionais do sistema jornal do comércio tiveram seus contratos encerrados e ainda mais do jeito que foi isso é um total desrespeito e falta de consideração com os profissionais. Lamentável.😔

  2. Jucelio Diz

    Não entro no mérito da demissão, mas a forma. Maciel Júnior após 28 anos de serviços, merecia uma coisa chamada: Respeito

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.