Notícias de Caruaru e Região

AOS SONS DO VIOLINO – Por Malude Maciel

Malude Maciel
Malude Maciel

Segui embevecida os acordes sonoros de um violino que apesar de anônimo era bem tocado e encontrei um punhado de gente também apreciadora da boa música, pois se não o fosse não se encontrava parada em pleno centro de compras num dia comum, barulhento e agitado como os demais. Porém, pareceu que tudo parou a fim de se escutar belas músicas, num dia destes no Shopping Difusora nesta cidade.

A música é encantadora, prova disso é ver em centros comerciais, sem propaganda, alguém simplesmente executando partituras de compositores famosos pelo estilo brilhante de suas obras. É algo mágico, contagiante que eleva a alma envolvendo o ser humano num sonho bom.

Eu já tinha visto em outras plagas esse efeito, mas em Caruaru pra mim foi novidade. Uma jovem adolescente, bem vestida, interpretando árias diversas do cancioneiro mundial (nacionais e internacionais) e aquele som mavioso de tal instrumento já ecoava majestosamente por todos os recantos deliciando suavemente as pessoas sensíveis como um presente divino. Umas recordando outras conhecendo preciosidades musicais dificilmente mostradas na mídia atual.

Já no antigo Egito música de qualidade era usada com várias serventias como acabar com a insônia e reduzir a dor. Pitágoras ouvia música pra aplacar suas iras e desenvolver a inteligência; ele a considerava curativa e tinha razão. A música produz dopamina, um hormônio controlador do estresse. Mozart também confirmou os poderes terapêuticos da música e suas composições ajudam ainda hoje a controlar as emoções. Pacientes com lesões cerebrais são ajudados pela música a reativar a memória. No Antigo Testamento da Bíblia constam episódios do Rei Saul quando em suas crises de raiva e desespero, chamava Davi que dedilhava sua harpa, então Saul sentia alívio e se achava melhor. O cientista Robert Monroe descobriu que estudar música faz os hemisférios trabalharem com sincronia e nos Estados Unidos essa prática é utilizada poderosamente, pois o ritmo da música concorda c/as vibrações cerebrais estimulando os neurônios. A música também é bastante útil p/as grávidas reduzindo ansiedades e dores. Até plantas são cultivadas sob sonoridade para melhor qualidade de produção; vinícolas por exemplo.

O violino é um instrumento musical utilizado desde a Renascença, tocado quase sempre com o auxílio de um arco cuja fabricação era feita com a madeira pau brasil. A fabricação de um violino é bastante complexa empregando madeiras conhecidas pela qualidade sonora. São importantes não só o tipo de madeira, mas também o modo como é trabalhada, secada e envernizada. As marcas de violino mais cobiçadas são: Stradivarius e Guarnerius (fabricados pelos artesãos italianos: Antonio Stradivari e Guiseppe Guarneri).

Em nossa região o violino não é comum como outros instrumentos de cordas ( violão, rabeca, cavaquinho), porém apreciado como em qualquer parte do mundo.
Ensine seus filhos a tocar instrumentos e apreciar clássicos musicais porque trabalham ambos os hemisférios do cérebro.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.