Notícias de Caruaru e Região

PÂNICO (2022), em cartaz nos Cinemas, reacende traumas nos sobreviventes

PÂNICO (2022)

Pânico é a quinta parte da franquia clássica de terror iniciada nos anos 90, sendo uma sequência direta dos acontecimentos do filme de 2011, que mostrará uma mulher voltando para sua cidade natal e tentando descobrir quem está cometendo os atuais crimes cruéis, vinte e cinco anos depois que uma série de assassinatos brutais chocou a pacata cidade de Woodsboro, na Califórnia. Agora um novo assassino veste a máscara do Ghostface e começa a mirar em um grupo de adolescentes, o que será capaz de ressuscitar segredos do passado mortal da cidade, além de reacender traumas nos sobreviventes, que, novamente, precisaram enfrentar essa ameaça obscura e violenta.

Assinado por Matt Bettinelli-Olpin e Tyler Gillett, dupla responsável pelo ótimo Casamento Sangrento, o novo filme não economiza nas “auto piadas” que incluem, entre outros temas, “sequências feitas só para ganhar dinheiro”, “obrigação de trazer personagens e histórias antigos”, “repetição de fórmulas”, entre outras. A vantagem aqui é que todas elas são incluídas com esperteza e muito timing, o que torna Pânico 5 um filme surpreendentemente engraçado e cativante à sua maneira.

Mas o que mais me chama atenção são as piadas com o público: os personagens falam, em muitos momentos, sobre como comunidades de fãs têm se tornado cada vez mais tóxicas, com exigências inalcançáveis demais e tolerância de menos. O terror dos diretores parecem ser os fãs: em outro trecho, uma das personagens cita a chuva pesada de críticas aos novos Star Wars – não há como negar que eles têm um bom ponto e a agressividade das “opiniões” está em qualquer página de comentários na internet.

Ao tirar sarro de si mesmo incontáveis vezes (sério, são muitas mesmo), é como se Pânico 5 se adiantasse às críticas, rebatendo argumentos de que o filme não tem profundidade o bastante, de que é repetitivo, de que faltam camadas aos personagens. Argumentos estes que já foram usados em praticamente todos os outros filmes da franquia. Mas fazer piadas “admitindo as próprias falhas” e dizer que o público é que é tóxico demais funciona como uma história em si?

Onde assistir:

Shopping Difusora (Planet Cinemas)

Sala 03 Dublado

15h45 e 18h15

Sala 03 Legendado

20h45

Bem, sim, funciona. A prova é que as duas horas de duração da sessão passam voando, não tem como ficar entediado e, mesmo que o tom do humor não te pegue completamente, vai te entreter – exatamente o que se espera de uma produção do gênero. Em uma de suas várias autorreferências, o filme diz que não é um terror “inteligente” e aclamado como Hereditário, O Babadook ou as produções de Jordan Peele citadas por seus personagens. E está tudo bem, já diria a sabedoria popular moderna.

COMUNICADO – 25a Mostra de Cinema de Tiradentes

Devido ao agravamento da pandemia, a Universo Produção, em diálogo com o Governo de Minas Gerais, com a Prefeitura Municipal de Tiradentes, patrocinadores, parceiros, profissionais do audiovisual, fornecedores, equipes e curadores, conclui que o melhor a ser feito neste momento é transferir as atividades presenciais da 25ª Mostra de Cinema de Tiradentes para o formato online, mantendo o mesmo propósito conceitual do evento e de programação. A programação poderá acessada, de onde estiver e gratuitamente, de 21 a 29 de janeiro de 2022 pela plataforma www.mostratiradentes.com.br.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.